© 2023 por Tipo Diva Blog | Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Black Instagram Icon

Como comecei a escalar

16.05.2018

Ontem não consegui postar!!! :( Mas hoje estou aqui para contar um pouco de como comecei a escalar! O Yudi conheceu a escalada depois que participou de um evento de highline e a partir disso essa é a paixão dele. Ele ama fazer isso, sempre que viajamos a gente tenta ir escalar e eu passei a gostar também. No começo eu tinha muito medo, ainda tenho medo de altura... Mas a sensação é tão boa! Superar várias fraquezas principalmente mentais é muito, muito legal! Eu sou muito aberta para tentar várias coisas novas, desenvolvi um amor por esportes, por colocar meu corpo em movimento, eu curto demais! Além de acreditar ser fundamental que a gente experimente novas coisas sempre, se coloque diante de novos desafios, se permita viver algo pela primeira vez de novo e de novo. Cada nova coisa que eu faço me provoca sensações, sentimentos, emoções diferentes e assim eu me conheço um pouquinho mais, conquisto mais autoconhecimento, desenvolvo uma relação mais próxima comigo mesma. Às vezes eu penso que sou até chata por gostar tanto desse estilo de vida que não paro de falar sobre isso, de incentivar as pessoas a começarem, a se movimentarem, a se cuidarem! Porque isso é amor próprio, é autoconhecimento, é cuidado, carinho consigo mesmo. A escalada me coloca diante de tantos medos, padrões mentais, inseguranças e me permite superar cada um deles quando eu estou lá grudada na rocha. Nunca tinha sentido tanta coisa física e mental como quando eu escalo. Acho que é por isso que o Yudi curte tanto. Além disso, escalar te "força" a desenvolver a habilidade de tomar decisões inteligentes e precisas, a planejar, a ser estratégico, a pensar antes de agir. Eu penso que todo mundo tem alguma forma de movimentar o corpo que gosta, só não descobriu ainda! Tem TANTAS coisas para fazer. Às vezes fico frustrada por não conseguir fazer mais coisas que queria por falta de tempo. Escalei pela primeira vez indoor, mas o que a gente mais curte é outdoor mesmo. Conhecer lugares novos, pessoas novas, viajar e ainda escalar é muito bom. No começo eu não entendia nem as gírias da escalada, não sabia o que era uma ancoragem, mosquetão, gri gri, costura, seg... e tudo vai ficando bem natural com a experiência. Eu aprendi tudo na prática mesmo, sempre confiei no Yudi para me dar as instruções e garantir minha segurança. É tão importante isso! Confiar no seu parceiro de escalada e se comunicar sempre! As primeiras vezes que eu dei seg para o Yudi foram tensas, é muita responsabilidade. Eu costumo pensar que o escalador sabe os riscos que existem e diante dessa situação age de forma responsável para minimizá-los ou evitá-los. Ter consciência dos riscos e assumir uma postura séria em consequência disso é fundamental. Escalada pode ser para alguns apenas passa tempo, diversão etc. Mas dependendo do tipo de escalada que se pratica é necessário levar a sério, prestar atenção, ser responsável, tomar todos os cuidados... Já passei situações de medo, por exemplo, quando "fiquei na minha" pela primeira vez. Mas o quanto é importante agir nesses momentos! De medo, de tristeza, de desânimo, de dificuldade... É aí que somos testados, que nos fortalecemos. Assim como no jiu jitsu a gente precisa pensar e agir mesmo tomando aperto, sofrendo pressão, sem ar etc. Isso é uma metáfora pra vida! A vida não para porque temos problemas, estamos tristes ou qualquer coisa do tipo. E às vezes nesses piores momentos é que ela exige mais de nós. Mais força, mais coragem, mais resiliência, mais paciência. E tudo isso está dentro de nós! A gente só precisa encontrar! E a escalada me ajuda a encontrar várias características da Gabi que eu não conhecia. Outras coisas também me ajudam nesse processo de autoconhecimento. Como é bom poder me conhecer um pouquinho mais. Esse relacionamento comigo mesma sempre foi importante para mim. É isso! Escalada é muito legal, eu passei a curtir demais. Já tive minhas crises de relacionamento com ela, por medo, por achar que era incapaz, por falta de humildade em lidar com uma via que não saiu. Não queria falar nada... mas até já mandei uma via antes do Yudi, nunca pensei que esse dia fosse chegar hahahhaha brincadeira! É um exercício de segurar o ego, vaidade também... Ele vai ser sempre minha inspiração! Não tem coisa mais bonita nessa vida do que ver as pessoas fazendo o que amam, só por amor mesmo, sem interesse, sem esperar nada. Porque quem não faz, não ama, não gosta, acha uma maluquice! Tudo isso é aprendizado e autoconhecimento. Se informem, confiem nos seus parceiros de escalada e bora pro climb!!!! Vale muito a pena conhecer e tentar. Precisa de psicológico para enfrentar algumas situações, mas acho que essa é a graça. Não sou nenhuma especialista no assunto, nem experiente demais. Escalo há menos de um ano, nunca guiei uma via, nunca sofri quedas grandes, nunca escalei vias com várias cordadas... tem muita coisa pra viver ainda!!! E eu vou contando tudo por aqui <3 

Please reload

Posts Relacionados

Please reload